Funções Renais

Cães e gatos possuem dois rins que têm cor vermelho-escura, forma de grão de feijão e podem variar desde 2,0cm à 12,0 cm, dependendo da espécie e raça em questão. Localizam-se na parte posterior do abdome, um de cada lado da coluna.

A função dos rins é filtrar o sangue, dele removendo os resíduos tóxicos produzidos nos tecidos do corpo e também sais e outras substancias que estejam presentes em quantidades excessivas. O excesso de água no corpo e também de sais é eliminado pelos rins em forma de urina. Fica mantido assim, o balanço adequado de líquidos no organismo.
Os rins também produzem hormônios responsáveis pelo controle de pressão arterial e pela produção e liberação de glóbulos vermelhos pela medula óssea, o que evita a anemia e outros problemas sanguíneos.

O Sangue chega aos rins através das artérias renais que, no interior dos rins, dividem-se em vasos cada vez menores até que formem enovelados de vasos muitos finos que constituem os glomérulos.

Em cada rim existem milhões de glomérulos que são os verdadeiros filtros do sangue. Quando o sangue passa através desses pequenos vasos o excesso de líquidos e sais é eliminado e inicia-se a formação de urina que, após atravessar vários tubos e sofrer várias transformações será eliminada para um tubo comum, o ureter e então para a bexiga e uretra.

Aproximadamente dois mil litros de sangue passam pelos rins todos os dias, em um Dogue Alemão por exemplo, sendo produzidos ao final 1,5 litros de urina por dia. Se os rins tiverem sua função preservada, quanto mais liquido o animal tomar, mais urina será produzida.